Publicidade
Disney e Marvel se posicionam contra lei homofóbica

Segundo o site Deadline, Disney e Marvel poderão boicotar o estado da Geórgia caso uma lei homofóbica seja aprovada.

Intitulada “Lei de Proteção do Livre Exercício”, a Lei 757 que estabelece que líderes e instituições religiosas não prestem serviços a homossexuais está em vias de aprovação pelo atual governador Nathan Deal.

O projeto que é iniciativa de políticos da bancada evangélica prevê que nenhum Ministro, Pastor ou Padre seja forçado a realizar um casamento homoafetivo ou obrigado a fornecer serviços sociais, educacionais e de caridade que violem as crenças dessas organizações baseadas na fé. Além de incentivar a discriminação e a intolerância, caso o projeto seja aprovado, instituições hospitalares ligadas a igrejas e templos poderão negar assistência a homossexuais.

O governo da Geórgia é um grande atrativo para grandes estúdios já que oferece abatimento fiscal de até 30% para produções audiovisuais. “Homem-Formiga”, “Capitão América: Guerra Civil” e “Guardiões da Galáxia 2” foram filmados no local, logo, o posicionamento da Disney e Marvel deve ser crucial para que a Lei não seja aprovada:

“Disney e Marvel são empresas inclusivas e, mesmo que tenhamos ótimas experiências filmando na Geórgia, nós planejamos levar nossos negócios para qualquer outro lugar caso qualquer legislação que permita práticas discriminatórias se torne lei estadual”. Afirmou um dos representantes da Disney.

A rede televisiva ABC, que exibe séries como “Grey´s Anatomy”, “Once Upon a Time” e “Modern Family” nos Estados Unidos e faz parte do complexo Disney também se posicionou contra a Lei 757 e deve participar do boicote juntamente com outras grandes marcas como a Coca-Cola.

Nathan Deal tem até o dia 3 de Maio para decidir se aprova ou não o projeto.

Vale lembrar que a Disney tem sido uma grande apoiadora das causas LGBT. Desde 1991 em todo o mês de Junho acontece o Gay Day na Walt Disney World, em Orlando, onde famílias, membros e simpatizantes do movimento LGBT comparecem aos parques vestidos de vermelho. O evento completou 25 Anos em 2015.

Recentemente, após inserir um casal de mães lésbicas na série exibida na Disney Channel, “Boa Sorte, Charlie” em 2013, esse ano foi a vez da série animada “Gravity Falls” ganhar um casal gay em sua quarta temporada.

Disney se mostrando cada vez mais inclusiva <3

Comentários